sábado, 7 de março de 2009

O dia Grêmio da Mulher

Parabéns pelo dia Grêmio da Mulher. Internacional é um nome muito feio.
Amanhã é dia da mulher, e hoje quero homenagear as mulheres gremistas. As lindas mulheres que, como eu, fazem parte dessa nação. Apóiam, estão Com o Grêmio, onde o Grêmio estiver e se engana quem pensa que mulher não entende de futebol. Eu, por exemplo, já deixei muito marmanjo no chinelo.
Aqui, uma homenagem a todas as gremistas:

“Elas torcem, sorriem, falam, cantam, pulam, gritam palavras que suas mães não conseguem imaginar que elas sabem.
São diamantes, são loiras, são gordinhas, cabelos lisos, olhos negros.
São pérolas, são morenas, são altas, cabelos curtos, olhos amendoados.
São safiras, são mulatas, são magrinhas, cabelos coloridos, olhos azuis.
São turquesas, são bronzeadas, não são altas e nem baixas, cabelos encaracolados, olhos verdes.
São opalas, são ruivas, não são gordinhas e nem magrinhas, cabelos encarapinhados, olhos cor de mel.
São de origem chinesa, italiana, libanesa, alemã, palestina, polonesa, judaica, japonesa, árabe, angolana, ucraniana, turca, são todas brasileiras, são todas gaúchas, são todas gurias gremistas, são todas lindas.
Elas são lindas.”



Trecho do livro Como é bom ser gremista, de Natal Augusto Dornelles.

Mulheres gremistas, as mais lindas do planeta.

Um comentário:

natal disse...

Ale, adorei, te confesso, fiquei emocionado, por favor entre no meu orku Natal Dornelles, quero ser seu amigo virtual.Tua homenagem e tua a tua imaginação com o DIA GRÊMIO DA MULHER, simplesmente fantástico.