segunda-feira, 31 de agosto de 2009

22° rodada do Brasileirão

Náutico 3x0 Atlético-PR: Na sua 4° vitória seguida em casa, o Náutico resolveu tudo no primeiro tempo com gol de Carlinhos Bala aos 32, Michel aos 37 e Derley aos 48. Assim o time tenta sair do Z4, com goleada.

Flamengo 3x0 Santo André: Também em casa e por 3 a 0 o Flamengo goleou o Santo André, mesmo sem Adriano e Emerson com gol de Denis Marques aos 8 e Leo Moura aos 49, no primeiro tempo. Aos 46 minutos do segundo tempo, Zé Roberto completou a goleada.

Coritiba 2x0 Avaí: Para seguir fora da zona de rebaixamento, em casa, o Coritiba venceu o Avaí com gol de Marcelinho Paraíba aos 20 do primeiro tempo e Pereira no 1° minuto da segunda etapa.

São Paulo 0x0 Palmeiras: No clássico paulista tudo igual e destaque para os goleiros Ceni e Marcos. Com o empate o Palmeiras segue líder e o São Paulo ainda luta pela vaga na Libertadores.

Santos 2x0 Fluminense: Com a vitória em casa o Santos tenta reagir na tabela, já o Fluminense mostra que está em total decadência perdendo mais uma vez. Os gols foram de André aos 44 do primeiro tempo e Paulo Henrique Lima aos 29 do segundo.

Atlético-MG 1x1 Sport: No Mineirão o Sport estava melhor e conseguiu abrir o placar aos 2 minutos do segundo tempo, mas o Atlético-MG foi lá e conseguiu empatar com Renan Oliveira aos 31, deixando tudo igual.

Inter 4x0 Goiás: No jogo da briga pelos primeiros lugares o dono da casa se deu bem, melhor ainda após a expulsão de Fernandão, goleando o Goiás por 4 a 0. Os gols foram de Marquinhos aos 5 e Guiñazu aos 15 do primeiro tempo; no segundo tempo gols de Giuliano aos 6 e Kleber aos 34.

Vitória 3x3 Cruzeiro: No empate emocionante os gols do Vitória foram de Roger aos 21 e 43 e Ramon aos 40 do segundo tempo. Os gols do Cruzeiro foram de Gilberto aos 3 do primeiro tempo, aos 19 do segundo novamente com Gilberto e aos 31 da segunda etapa com Thiago Ribeiro.

Destaque para o clássico paulista.

domingo, 30 de agosto de 2009

Botafogo 3x3 Grêmio – 22ª rodada

Para novamente tentar ganhar a primeira fora de casa o Grêmio foi ao Engenhão com: Victor, Mário Fernandes, Rafael Marques, Rever e Bruno Collaço (Lúcio); Adílson, Túlio, Tcheco e Souza; Jonas (Makelele) e Perea (Herrera).

No início do primeiro tempo o Botafogo estava desorganizado em campo e o Grêmio dominava amplamente, mostrando que podíamos vencer a primeira fora de casa, mas não aproveitou a vantagem e o Botafogo se reorganizou em campo.

Assim, na insistência o dono da casa abriu o placar, após rebote de Victor, Reinaldo fez 1 a 0 aos 19 minutos. Depois do gol o Botafogo recuou e no maior estilo “a la Jonas” após bater 2 vezes na trave o atacante conseguiu empatar pro Grêmio aos 23 minutos.
E o jogo vai para o intervalo no empate: 1 a 1, mas antes que acabasse os dois técnicos mudaram seus times, no Grêmio Lúcio reestreou aos 35 minutos, entrando no lugar do jovem Bruno Collaço.

Se no começo do jogo o Botafogo ouvia vaias, tudo mudou 1 minuto depois, com o gol de Victor Simões na saída de Victor. Então aconteceu o mesmo do primeiro tempo, o dono da casa relaxou e Jonas de perna direita empatou novamente, num gol que muitos julgaram irregular.

Logo depois mais um lance polêmico no suposto pênalti não dado ao Botafogo onde a bola acertou seu braço dentro da área. Mas o pior pro Botafogo foi aos 28 minutos em falta cobrada por Souza, que deixou todos olhando e virando a partida pro Tricolor: 3 x 2.

Com um pouco de ajuda da arbitragem e com esforços parecia que o fantasma iria embora e o Grêmio ganharia a primeira fora de casa. Porém isso não aconteceu e fantasmagoricamente ocorreu o empate do Botafogo aos 43 minutos do segundo tempo. Assim, a vitória tarda mais uma vez a vim e o Grêmio leva apenas 1 ponto do Rio de Janeiro.

Parece que o problema é mesmo dos fantasmas que atormentam o Grêmio fora de casa e precisam ser exorcizados. Nosso próximo jogo é sábado contra o Vitória no Olímpico. Fora de casa o próximo jogo é contra o Náutico no emblemático Estádio dos Aflitos, e lá todos sabem o Grêmio já exorcizou outros fantasmas.

E falando em fantasmas, veja meu texto sobre o jogo “Fantasmas assombram o Grêmio” na minha coluna no Blog Clubes e comentem:
http://bc-gremio.blogspot.com/

Apenas empate no Engenhão.

sábado, 29 de agosto de 2009

Simulado ENEM 2009

Primeiramente quero pedir desculpas por não haver postagem neste sábado, entrando no ar somente domingo, o motivo é que fiz o simulado do ENEM 2009, pra tentar me preparam para o ano que vem. Foram 90 questões no sábado (ciências humanas e ciências da natureza) e 90 questões no domingo (linguagens e seus códigos e matemática) numa verdadeira maratona nesse fim de semana.

Ainda não sei como foi meu desempenho, mas a prova em si não é difícil, sua dificuldade é dada pela sua grande extensão, em questões que você deve prestar muita atenção em detalhes. Mesmo sofrendo algumas mudanças, a meu ver essa não é a melhor maneira de saber se um aluno realmente aprendeu e está apto pra ir à faculdade. Um aluno pode ter histórico impecável e não ir bem no vestibular ou ENEM, já outro pode ir no “chute” e se sair melhor.

Muitos assuntos eu ainda não vi, já outros consegui relembrar e no final até o Ronaldo apareceu na prova de linguagem. Um bom teste pra ver o que me espera no ano que vem. Desculpem o atraso na postagem. Logo, logo comentário sobre o jogo Botafogo x Grêmio e se puder com a primeira vitória fora.

Nova fórmula na prova 2009.

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Rochemback é do Grêmio

O jogador de 27 anos, Fábio Rochemback chegará ao Olímpico neste fim de semana para fazer exames médicos e assinar o empréstimo de 2 anos com o Tricolor, que apenas deverá pagar seu salário.
Revelado pelo Inter em 2000, o volante já jogou no Barcelona, Sporting, Middlesbrough e novamente pelo Sporting de Portugal, com quem o Grêmio negociou o empréstimo.
Após exames e sua inscrição ele poderá jogar pelo Grêmio, sendo mais um reforço nessa janela de transferência para a melhora no Brasileirão.
Nesses últimos dias de agosto, as negociações irão esquentar mais ainda. Além da contratação de Fábio, Grêmio garante a permanência de Réver. Assim, um grupo mais forte para almejar algo maior no Brasileirão.

Rochemback é contratado.

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Grêmio Bendito Sea

Neste meio de semana sem jogos, não vou fugir do assunto Grêmio, mas deixando de lado o futebol, quero mostrar que o Grêmio é mais que isso. Abaixo um vídeo da versão gremista de uma campanha argentina após a eliminação de sua Seleção na Copa.

Esse vídeo diz o que é ter a alma gremista, na extensão das quatro linhas, do Olímpico e do mundo inteiro, mundo azul.Pois apenas futebol, é pouco, é business. Mas quando se joga com alma e uma grande torcida é questão de honra, tradição; de vida ou morte.

Bendito seja o Mundial com que sonhamos
Bendito cada nome que foi convocado
Benditos os garotos que sempre revelamos
O peso da história, o respeito ganhado

Malditas sejam as recordações dolorosas
Maldita a impotência e a injustiça que vivemos!
A volta para casa, cada um lado a lado
As finais sem jogar, e a queda pelo caminho

Bendita a anestesia de todas as dores
As tristezas que curamos com abraços!
As gargantas que se rompem com os gols!
Nos sentimos os melhores por um instante

Malditos os sorteios e os "grupos da morte"
Contaram com o azar e sinaram nossa sorte!
Malditos os mesquinhos que jogam sem poesia
Os que batem, dividem, que quebram e machucam!

Bendito seja o orgulho com que entramos em campo!
O jogador e a bola que não se mancham
A TV que repete o drible
Estufar as redes dos outros
Encher o peito
Merecer a camiseta!

Os turistas, os cronistas
Os patrocinadores e os amigos!
O hino... e as mulheres seguindo a partida

Benditos os cálculos que dão resultado!
As rezas e os cantos em que confiamos tanto!
E bendito este momento que nos dá o futebol
De poder mudar nosso destino!

E sentir outra vez
De frente ao mundo

A glória
A grandeza
De ser...

GRÊMIO!

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Curtinhas do meio da semana

Mithyuê: Após lesão no joelho ele está de volta e com grande vontade de jogar no Brasileirão, mas atuará pelo time B até ganhar ritmo, após Autuori é quem decide se ele vai jogar no time principal.

Felipe Mattioni: O Grêmio tentou negociar para repatriar o lateral, mas o ex jogador do Milan assina com o clube espanhol Mallorca por uma temporada e a volta ao Grêmio é adiada.

Orteman: Rescindido com o Grêmio, ele estava acertado com o Peñarol, mas segundo a justiça do Uruguai, caso entrasse no país seria preso e extraditado para o Paraguai. O motivo seria fraude e lesão de confiança, pois em 2004 saiu do Olímpia para atuar no Independiente.

Jonas: Procurado pelo AEK Atenas, da Grécia, não descarta a possibilidade de ir pra lá mesmo sua prioridade sendo o Grêmio. Segundo ele, se a oportunidade for boa pra ele e pro Grêmio, irá pensar.

Leandro: Mesmo sem a decisão concreta do Verdy Tóquio, está sendo aguardada a sua chegada, que poderá já ser pré-inscrito na CBF amanhã. Caso chegue, já teria condições de jogo.

Lúcio: Já inscrito na CBF, tem condições de estrear contra o Botafogo, tudo depende de Autuori. Nos últimos treinos teve ótimo rendimento nas conclusões.

Botafogo: Aproveitando o desempenho ruim do time carioca, o Grêmio quer deixar de lado o mito de não vencer fora de casa nesse Brasileirão e no próximo domingo vencer a primeira fora do Olímpico, no Engenhão e na possível reestréia de Lúcio.

Lúcio pode reestrear contra o Botafogo.

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Feliz aniversário ao chefe Paulo Autuori!

Hoje 25 de agosto o chefe gremista, Paulo Autuori de Mello completa seus 53 anos de vida. Nascido no Rio de Janeiro em 1956, começou sua carreira como técnico no ano de 1975 na Portuguesa-RJ. Tem formação em Educação Física (Universidade Castelo Branco), Administração Esportiva (PUC-RJ) e Curso de Treinadores de Futebol (UERJ).

Já passou pelos seguintes times: Portuguesa-RJ, América, São Bento, Marília, Bonsucesso, Botafogo, Vitória, Nacional, Marítimo, Benfica, Cruzeiro, Flamengo, Internacional, Santos, Alianza Lima e Sporting Cristal.Também já comandou a Seleção Peruana, se demitindo em 2005 e indo para o São Paulo, substituir Émerson Leão. Em 2006 foi para o Kashima Antlers do Japão, sendo cogitado para ir a Seleção Brasileira; no mesmo ano foi pro Cruzeiro, mas se demitiu indo pro Al-Rayyan, do Catar.

Em 1995 conquistou o Campeonato Brasileiro pelo Botafogo, em 1997 já no Cruzeiro conquistou a Libertadores da América e o Campeonato Mineiro daquele ano. Fora do Brasil somou titulos com o Alianza Lima em 2001 conquistando o Campeonato Peruano (Apertura) e em 2002 pelo Sporting Cristal,novamento conquistando o Campeonato Peruano (Apertura e Clausura).Voltando ao Brasil conquistou sua segunda Libertadores e o Mundial de Clubes da FIFA em 2005, pelo São Paulo.

No dia 13 de maio desse ano foi anunciado como novo técnico do Grêmio, substituindo o interino Marcelo Rospide que estava no lugar de Celso Roth. Começou a comandar o Tricolor no dia 18 de maio, tendo contrato até o final de 2010. Com ele fomos até a semifinal da Libertadores da América, vencemos o Grenal do centenário e atualmente, comandado por Autuori, o Grêmio briga pelo G4 no Brasileirão.

A torcida sabe como é vitoriosa a história desse grande técnico. Todos desejamos muito sucesso e conquistas no comando do Grêmio e também enviamos os votos de felicidade, paz e saúde em mais um ano de vários que virão. Feliz aniversário e muitos anos de conquistas à frente de nosso glorioso Grêmio.

Parabéns comandante!

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

21ª rodada do Brasileirão

Além da goleada gremista sobre o Atlético-MG por 4 a 1, veja os outros jogos:

Sport 2x0 Vitória – Ainda na zona de rebaixamento, o Sport conseguiu vencer a primeira com o novo técnico, somando três pontos pra não segurar a lanterna. Já o Vitória continuou em 10°. Os dois gols saíram no primeiro tempo; aos 14 com Andrade e aos 31 com Fabiano.

Santo André 1x0 Coritiba – No jogo entre os dois times que beiram a zona de rebaixamento, o dono da casa garantiu a vitória com o gol de Nunes aos 37 minutos. Marcelinho Paraíba insistiu no empate, mas com um a menos quem levou a vitória foi o Santo André.

Palmeiras 2x1 Inter – No jogo que teve a estréia do polêmico uniforme palmeirense, parece que o colorado se assustou com a cor azul da camisa e lembrou-se do seu adversário. Assim, no jogo que Diego Souza brilhou os gols foram de Obina aos 39 e de Ortigoza aos 2 do segundo tempo, já o Inter descontou com Giuliano aos 41. Palmeiras segue líder e Inter cai pra 5°, fora do G4.

Fluminense 0x0 Barueri – A situação está mesmo difícil nas laranjeiras, o time segura a lanterna e mesmo com 2 jogadores a mais e em casa, joga muito mal e só consegue o empate contra o Barueri, que está em 8°. Parece que o Fluminense de Renato Gaúcho vai mesmo cair esse ano.

Corinthians 3x3 Botafogo – Num jogo cheio de gols e erros de arbitragem, tudo ficou no empate. Os gol Corintianos foram de Dentinho aos 43 do primeiro tempo, Marcinho aos 6 do segundo tempo e Dentinho novamente aos 26. Os gols botafoguenses foram de Reinaldo no 1° minuto do segundo tempo, aos 14 com André Lima e aos 34 com Lúcio Flávio. Botafogo segue no Z4.

Atlético-PR 1x0 São Paulo – Num jogo de hostilidade por parte da torcida atleticana com Dagoberto, o São Paulo não saiu ileso na casa do Furacão, foi bem no finzinho que Paulo Baier aos 41 do segundo tempo garantiu a vitória e São Paulo sentiu o gosto da derrota se distanciando do líder Palmeiras.

Goiás 2x1 Santos – O Goiás mostrou em casa que vive um grande momento na vice-liderança do campeonato, no jogo de estréia de Fernandão. O time goiano saiu na frente com Vitor aos 19 minutos, mais ainda no primeiro tempo o Santo empatou com Kleber Perreira aos 29 minutos. No início do segundo tempo, Felipe garantiu a vitória aos 6 minutos, mesmo o Goiás terminando com um jogador a menos.

Cruzeiro 4x2 Náutico – O Cruzeiro quis mostrar que estava reagindo no Brasileirão logo no primeiro minuto marcando com Wellinngton Paulista, Gilmar empatou aos 6. Mas Fabrício tentou logo garantir a vitória aos 29 minutos e Wellington Paulista, de novo, ampliou o placar. Como se não fosse suficiente os dois times marcaram nos acréscimos do segundo tempo, Wellington Paulista oas 48 e Carlinhos Bala aos 53, mas já era tarde demais pro Náutico.

Avaí 3x0 Flamengo – O Avaí se mostra cada vez mais surpreendente no campeonato estando no G4, já o Flamengo está cada vez mais decadente e desanimado. Em casa o Avaí aplicou uma goleada pra cima do Urubu. Os gols foram de Luis Ricardo aos 8 e Léo Gago aos 30 do primeiro tempo, no segundo tempo Fabinho Capixaba completou a goleada aos 32 minutos.

Destaque para a vitória do líder palmeiras, que com seu novo uniforme azul atordoou o Inter que caiu pra 5° lugar.

domingo, 23 de agosto de 2009

Grêmio 4x1 Atlético-MG – 21° rodada

Para continuar com a invencibilidade de 11 meses no Olímpico e colar no G4 o Grêmio jogou contra o Atlético-MG de Celso Roth com: Victor; Thiego, Mário Fernandes, Réver e Bruno Collaço; Túlio, Adilson, Tcheco e Souza (Makelelê); Perea (Douglas Costa) e Jonas (Herrera).

No início do primeiro tempo o Atlético-MG parecia que iria surpreender o Grêmio na sua própria casa, mas na primeira vez que chegou ao ataque aos 7 minutos, falta da entrada da grande área cobrada por Tcheco, fazendo com que Réver subisse livre pra marcar de cabeça 1 a 0.

O gol do Grêmio abateu o time mineiro que estava até melhor, isso só fez com que os donos ampliassem aos 23, com cruzamento de Souza pra Perea, que cabeceou no travessão,a bola bateu no goleiro e entrou: 2 a 0.

Ainda na metade do primeiro tempo o Grêmio administrava o jogo, provando mais uma vez que é impecável no Olímpico. Aos 39 deu pra ampliar, mostrando que realmente seria goleada na tarde desse domingo. Souza cobra a falta com perfeição e sem chance para o goleiro faz o 3° ainda na primeira etapa.

O Celso Roth mudou o time, mas essa não era a tarde do Atlético-MG e do seu artilheiro Diego Tardelli. O time até assustou um pouco no ínicio da etapa complementar, mas Jonas já aos 12 minutos provou que não tinha espaço pra reação e tratou de fazer o 4° gol gremista na partida.

Ainda ensaiando a reação, o time mineiro não saia do lugar e o Grêmio nesse ponto já administrava a partida com 4 a 0 no placar. A invencibilidade no Olímpico continua, já com a cara de Paulo Autuori, pois o time levou apenas um único cartão amarelo, com Bruno Collaço

O Tricolor tem desempenho tão bom que até quando a defesa erra o Victor vai lá e segura. Mas o Grêmio não é um time malvado e concede o gol de honra mineiro, feito em jogada individual de Jonílson aos 33 minutos.

Assim, mais uma vez o Grêmio prova que manda no Olímpico, e com goleada. Esse deve ser o impulso que falta pra ganhar a primeira partida fora de casa, contra o Botafogo no próximo domingo às 18h30min. Já Celso Roth volta pra Minas Gerais com 4 a 1 do seu ex-clube na bagagem.

Quer saber um pouco mais da minha opinião sobre esse jogo? Acesse minha coluna sobre o Grêmio no Blog Clubes:

Réver, Perea, Souza e Jonas marcam na goleada gremista.

sábado, 22 de agosto de 2009

O bom filho à casa retorna, Lúcio está de volta.

Na manhã de hoje, o lateral Lúcio chegou a Porto Alegre. Emprestado pelo clube alemão Hertha Berlim ao Grêmio, ele vem para reforçar a equipe. Como o bom filho à casa retorna, Lúcio já jogou aqui no Tricolor, sendo campeão gaúcho e vice-campeão da Libertadores em 2007.

O lateral é uma das grandes contratações feitas pela diretoria para reforçar a equipe e conseguir um objetivo maior. Ele fica aqui até o fim da temporada quando acaba o empréstimo. Segundo o jogador, já estaria jogando pelo Grêmio, sua segunda pele, mas está será uma decisão do Paulo Autuori para que ele reestréie pelo Tricolor.

Junto à outras contratações, o Grêmio quer melhorar seu desempenho no campeonato, para poder almejar a vaga na Libertadores do ano que vem, nesse segundo turno.E as derrotas fora de casa ainda incomodam, e muito.

Nosso próximo jogo é amanhã, no Olímpico contra o Atlético-MG do Celso Roth. Onde irá com algumas modificações, já que Léo e Rafael Marques não jogam, Mário Fernandes vai pra zaga, Túlio vai para a lateral e Douglas Costa entra no time. A dupla de ataque será Perea e Jonas.

Lúcio volta ao Olímpico.

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Blog da Ale entres os 100 mais votados do Brasil!

Hoje saiu a lista dos 100 Blogs mais votados pelo júri popular na categoria de esportes no Top Blog. E o Blog da Ale conseguiu se classificar para a votação do júri acadêmico. Como a lista está em ordem alfabética não se sabe em qual posição o Blog ficou, mas entre os 100 mais votados o Blog da Ale está entre os 20 mais acessados.
Quero agradecer do fundo do coração àquele que acessaram o blog e votaram. Não tem palavras para expressar essa sensação, só tenho a agradecer a todos que me ajudaram para levar mais do que o Blog da Ale, levar o nome do Grêmio, do Rio Grande do Sul e de todos e todas que gostam do bom e velho futebol!

Este é um sonho realizado, estar entre os 100 blogs mais votados do Brasil apenas com 16 anos de idade, e deixando grandes nomes para trás. Agora é o júri acadêmico, mas mais que isso vocês são meus jurados e se estou aqui escrevendo é mais do que por um sonho de menina, é por todos os gremistas, gaúchos e apaixonados por futebol, como eu. Muitíssimo obrigado e continuem participando

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

20ª rodada do Brasileirão

Coritiba 1x0 Palmeiras: No Couto Perreira o Coritiba recebeu o líder Palmeiras. Com gol de pênalti de Marcelinho Paraíba aos 45 do segundo tempo, o Coxa garantiu a vitória pra tentar se distanciar da zona do rebaixamento e se garantir na Série A ano que vem, já o Verdão perde mais uma e o São Paulo encosta, estando na vice-liderança.

Inter 1x2 Corinthians: O Inter recebeu o Corinthians no Beira-Rio, e os visitantes ficaram à frente no placar logo aos 10 minutos do primeiro tempo, com gol irregular de Chicão. Aos 34, Alecsandro conseguiu empatar para os donos da casa. Mas para os colorados reclamarem novamente da arbitragem, Jorge Henrique, aos 42, decretou a vitória corintiana com mais um gol irregular. O Inter perde a oportunidade de colar no líder, já o time de Mano sobe na tabela.

São Paulo 1x0 Fluminense:
No Morumbi o clássico dos tricolores do Rio-São Paulo foi de opostos, de um lado São Paulo tentando alcançar a liderança, de outro o Fluminense tentando escapar do rebaixamento. O único gol da partida foi de Richarlyson aos 22 do primeiro tempo, mostrando que o time paulista está mesmo em ascensão indo pra vice-liderança no jogo de volta de Ceni, já o Fluminense se afunda cada vez mais.

Barueri 2x1 Sport: De um lado o Barueri mostra que quer ficar na Série A, do outro um Sport na lanterna do campeonato. O primeiro gol é de Val Baiano aos 34 do primeiro tempo, no segundo tempo o Sport consegue empatar com Luciano Henrique aos 21 minutos. Mas o Barueri conseguiu garantir a vitória aos 45 do segundo tempo com Thiago Humberto, indo para 7° lugar e o Sport continua segurando a lanterna.

Botafogo 1x2 Santo André: No jogo pra fugir da zona do rebaixamento, quem abre o placar é o visitante Santo André com Nunes aos 15 do primeiro tempo, o Botafogo consegue empatar com André Lima aos 41, mas o Santo André consegue a vitória com o gol de Júnior Dutra aos 4 minutos. Assim, vencendo fora de casa o Santo André sobe um pouco na tabela, já o Botafogo despenca para o rebaixamento.

Vitória 2x1 Atlético-PR: No Baradão o Vitória sai na frente com o gol de Ramon aos 31 do primeiro, aos 3 do segundo o Atlético-PR até consegue empatar com Wallyson. Mas o gol de Neto Berola aos 23 do segundo tempo, faz o Vitória voltar a ganhar e subir na tabela. Já o furacão mostra que a fase não é boa e perde novamente, decaindo na tabela.

Náutico 2x0 Goiás: O Goiás vai aos Aflitos de olho na liderança, já o Náutico estando em casa tenta aproveitar para subir na tabela e sair da zona de rebaixamento. Leando Euzébio, contra, abre o placar para o Náutico aos 34 minutos do primeiro tempo e aos 41 do segundo, Anderson Lessa amplia o placar para o Timbu, surpreendendo e vencendo em casa pra fugir do rebaixamento, já o Goiás perde e não encosta no líder, estando em 3° lugar.

Atlético-MG 2x2 Avaí: No Mineirão todos os gols saíram no segundo tempo. Aos 2 minutos Éder Luis abriu o placar para os donos da casa e o Atlético-MG amplia com Marcos Rocha aos 7 minutos. Mas o Avaí reage e consegue descontar aos 18 com Eltinho, e aos 46 minutos o time da casa cede o empate e Odair empata para o Avaí, que tira a oportunidade do time mineiro entrar no G4.

Flamengo 1x2 Cruzeiro: No Maracanã os donos da casa abrem o placar com Emerson aos 32 minutos do primeiro tempo. Mas no segundo tempo, logo aos 7 minutos Diego Renan consegue empata para o time mineiro e aos 25 minutos Fabrício marca, virando o placar e garantindo a vitória para o Cruzeiro, que tenta reagir no Brasileirão.

Destaque para o clássico dos tricolores Fluminense e São Paulo, no jogo que teve a volta de Rogério Ceni.

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Santos 1x0 Grêmio - 20° rodada

Tentando a primeira vitória fora de casa e a primeira vitória na Vila Belmiro pelo nacional, o Grêmio, com a volta de Tcheco e Souza, vai a campo no primeiro jogo do returno com: Victor, Mário Fernandes, Léo (Joílson), Rafael Marques e Bruno Collaço; Rever, Adílson, Tcheco (Thiego) e Souza; Jonas (Douglas Costa) e Perea.

O primeiro tempo se tornou um jogo chato de se ver, o Grêmio até tentava atacar e o Santos tomava a iniciativa, mesmo jogando mal. Ainda assim conseguiram marcar aos 31 minutos, mas a arbitragem viu toque de Germano e impediu o gol.

Após de sofrer o gol, que foi impedido erroneamente, o Grêmio baixou o nível, como acontece fora de casa quando sofre um gol. Mas se o juiz errou no lance do gol santista, errou também em não amarelar o jogador por falta em Tcheco. Depois disso quem recebeu o amarelo, foi Rafael Marques, que está automaticamente fora da próxima partida.

No segundo tempo o Grêmio começou melhor, já o treinador Luxemburgo apostou na técnica de seu time. Autuori foi obrigado trocar Léo pois sofreu lesão, assim Joílson entrou no seu lugar. Com a entrada tardia de Douglas Costa e a troca de Tcheco por Thiego, recuou o time, que já não era melhor e não assustava.

O Victor até tentava defender o Tricolor, mas aos 34 minutos não deu e o jogador Ganso fez 1 a 0 para o Santos. Depois disso Rafael Marques é expulso e o Grêmio fica com 10, sendo praticamente impossível ganhar o jogo. E a vitória em casa é adiada mais uma vez.

Não dá pra entende a falta de vitórias fora de casa, já que temos a melhor campanha dentro de casa. Até os próprios jogadores não conseguem explicar a causa disso. No Olímpico o time se impõe, já fora de casa é extremamente frágil e quando o mandante assusta um pouco ou faz um gol, o Grêmio desmorona.

O Santos mereceu vencer e o Grêmio recua em campo, deixando escapar 3 pontos. Assim, o Grêmio cai pra nono, ainda com 28 pontos. O próximo jogo será neste domingo, no Olímpico, contra o Atlético-MG.

Outra derrota inexplicável fora de casa.

terça-feira, 18 de agosto de 2009

Quem sai e quem chega ao Olímpico

Durante o mês de agosto ocorre a temida janela de transferência, nela muitos jogadores saem do clube para outro, principalmente na Europa. Essa janela é temida por todos os clubes, já que estamos em meio ao Campeonato Brasileiro e mudanças no elenco abalam o rendimento em campo. Veja a seguir quem vai e quem chega ao nosso querido Grêmio.

Quem já saiu ou deve sair:

Helder: O lateral esquerdo Helder foi emprestado pelo Grêmio. Seu destino foi o Bahia onde fica até o final da temporada.

Fábio Ferreira: Também ainda no mês de julho, o zagueiro Fábio Ferreira foi outro jogador que saiu do clube gaúcho, assim, indo para o Vitória da Bahia. O jogador foi contratado no início do ano e jogou pouquíssimas vezes.

Ruy: Antes mesmo do mês de agosto chegar, Ruy foi para o Fluminense de Renato Gaúcho, que hoje briga pra não cair. Um bom lateral-direito, que saiu sem mais nem menos, um dos motivos seriam desentendimentos com o novo técnico Paulo Autuori.

Diogo: Junto com Ruy, o meio-campo Diogo também foi para as Laranjeiras. Pouco aproveitado e jogando pouquíssimas vezes desde que foi contratado no início do ano. Assim foi fazer companhia à Ruy.

Rudnei: O meia Rudnei pode não ser lembrado pelos torcedores como jogador do Grêmio, já que tinha raríssimas oportunidades e dificilmente jogava. Assim Rudnei vai a Pernambuco, para atuar junto ao Náutico.

Alex Mineiro: O atacante que inicialmente veio ao Tricolor para ser titular, viu que seria difícil conseguir esse lugar cativo e rescindiu o contrato com o Grêmio. Assim ele volta às origens indo para o Atlético - PR.

Orteman: Indignado com os dirigentes gremistas por estar treinando sozinho e não ter espaço na equipe, o meia pretende tirar umas férias caso não seja emprestado ou vendido para o clube. O jogador provavelmente deve ir para o Peñarol.

Máxi Lopez: Depois de muitas especulações e até interesse da diretoria gremista em vendê-lo.Após a não vinda da “proposta irrecusável”, o Grêmio não aceitou negociar com times da Europa, especialmente o alemão Werder Bremen. Assim o jogador fica no Olímpico e a diretoria já pensa em comprar os 50% dos direitos federativos que não o pertence.

Douglas Costa: A jovem meio campo Costa, com apenas 18 anos já é cobiçado por grandes times europeus, como Manchester United, Arsenal e Bayer. Grande promessa gremista e já comparado a Cristiano Ronaldo, o menino não deve ser vendido tão cedo e permanecerá no Tricolor por mais um tempo.

Victor: Não negando que o grande goleiro poderia ser vendido na janela de transferência, o Grêmio recebeu proposta do Benfica. Mas devido o aumento de renda do clube a diretoria garante que o Victor continuará no Tricolor, pelo menos até o fim do ano.

Réver: Também não negando possível venda e a proposta parte do português Benfica, o grande jogador Réver, que é zagueiro, mas atuou no meio-campo no último jogo, também ficará no Olímpico, no mínimo até o fim do ano, pelo mesmo motivo de Victor, o aumento da renda Tricolor.

Quem veio ou pode vir:

Renato Cajá: Já acertado e inscrito no Grêmio, o meio campista teve pendências contratuais e poderá ser reapresentado pela Ponte Preta, o motivo ser a falta de pagamento na venda dele para o exterior. A justiça diz que ele deve ser reapresentar à Ponte, mas através de seus advogados pode ficar por aqui.

Lúcio: O lateral que já jogou do Grêmio em 2007 volta ao tricolor, já acertado a diretoria aguarda o jogador. Lúcio foi dispensado e negociado pelo alemão Hertha Berlin. E deverá ser um grande reforço.

Leandro: O atacante que está no Verdy Tókio está praticamente acertado com o Grêmio. O atacante já jogou no São Paulo e promete vir como grande reforço para o ataque.

Felipe Mattioni: O lateral ficou perto de ser repatriado pelo Grêmio, vindo emprestado pelo Milan. Porém a diretoria gremista desistiu de contratá-lo. Ele provavelmente será emprestado ao Barcelona.

Danilo: Grande meio-campo que também já atuou no São Paulo junto com Paulo Autuori, foi pretendido pelo Grêmio. Porém a negociação dificilmente será concluída, já que outros clubes também estão na briga. Atualmente ele está no Kashima Antlers.

Renato: O ex-flamenguista Renato também foi pretendido pelo Grêmio, mas é outro jogador que dificilmente virá. O meio-campo está no futebol árabe, atuando pelo Al Shabab.

Lúcio é acertado com o Grêmio e voltará a jogar pelo Tricolor.

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Termina o primeiro turno e a enquete

Durante o primeiro turno do Brasileirão o Blog da Ale perguntou: “Como será o Grêmio no Brasileirão?” Como o turno acabou ontem a votação também foi encerrada. Lembre-se que na última votação deu Máxi Lopez como artilheiro do Grêmio e até agora foi ele quem mais fez gols pelo Tricolor. Confira aí como foi a enquete, deu Libertadores:

Como será o Grêmio no Brasileirão?

Briga pela classificação na Libertadores – 36%
Briga pelo título – 33%
Briga para não ser rebaixado – 20%
Briga pela classificação na Sulamericana – 10%
A busca pelo tri em 2010?

Acabou o primeiro turno do Brasileirão, vamos analisar como foi cada time, inclusive nosso Tricolor:

1° - Palmeiras: Com 37 pontos (10 vitórias, 7 empates e 2 derrotas) o time do Palestra Itália comandado por Muricy Ramalho ocupa a liderança, porém não se pode dizer que é líder pois o Inter tem dois jogos atrasados e pode ser ultrapassado.


2° - Goiás: Com 35 pontos (10 vitórias, 5 empates e 4 derrotas) o time goiano do recém contratado Fernandão, surpreende esse ano e ocupa a vice-liderança. Mostrando que a equipe comanda por Hélio dos Anjos é forte e pode tirar a vaga de muito time considerado favorito.


3° - Inter: Com 33 pontos (10 vitórias, 3 empates e 4 derrotas) o clube gaúcho pode acabar líder do primeiro turno, já que tem 2 jogos a menos, por causa da disputa e conquista da Copa Suruga, no Japão. Caso ganhe as duas partidas que falta pode chegar a 39 pontos.

4° - São Paulo: Com 33 pontos (9 vitórias, 6 empates e 4 derrotas) o time de Ricardo Teixeira parece estar se reencontrando no campeonato, mostrando que pode mais uma vez chegar a Libertadores ou ao título.


5° - Atlético-MG: Com 32 pontos (9 vitórias, 5 empates e 4 derrotas) parece que o time de Celso Roth não conseguiu ficar no topo e está decaindo, apesar de estar na luta pelo G4 e ter grandes jogadores, como o craque Diego Tardelli convocado pra Seleção.


6° - Avaí: Com 30 pontos (8 vitórias, 6 empates e 5 derrotas) a equipe se mostrou surpreendente e provando que irá permanecer na Série A, mesmo sendo desacreditados por muitos, pode tirar o lugar de muito clube grande.


7° - Grêmio: Com 28 pontos (8 vitórias, 4 empates e 7 derrotas) o nosso Tricolor não conseguiu vencer fora de casa, mas no Olímpico provou que só ele manda, estando invicto há 11 meses. A equipe de Autuori tem grandes chances de chegar ao G4 e estar na Libertadores 2010.

8° - Corinthians: Com 28 pontos (8 vitórias, 4 empates e 7 derrotas) a equipe de Mano Menezes era favorita ao título, mas após a contusão de Ronaldo e a saída de alguns jogadores está em decaída,caso volte a se recuperar briga pela Libertadores.


9° - Barueri: Com 28 pontos (7 vitórias, 7 empates e 5 derrotas). Esta é outra equipe que mostrou a que veio e tirou pontos de muita equipe considerada grande. Prova que quer ficar na Série A e pode ir à Sulamericana.


10° - Flamengo: Com 27 pontos (7 vitórias, 6 empates e 6 derrotas) o time de Adriano agora comandado por Andrade, não engrenou e está cada vez mais longe do G4 e da Libertadores 2010. Dificilmente conseguirá uma vaga entre os 4 primeiros.


11° - Vitória: Com 25 pontos (7 vitórias, 4 empates e 8 derrotas) a equipe novamente comandada por Mancini, pareceu que iria assustar, mas está perdendo o gás e mostrando que provavelmente ficará com a vaga na Sulamericana.


12° - Santos: Com 25 pontos (6 vitórias, 7 empates e 5 derrotas) o time do estratégico Luxemburgo, não conseguiu assustar a turma do G4, mostrando que a vaga na Libertadores pode estar cada vez mais longe e que a Sulamericana é a dura realidade.


13° - Atlético-PR: Com 24 pontos (7 vitórias, 3 empates e 9 derrotas) o Furacão está mal nesse campeonato e se bobear pode cair. O time do goleiro Galatto deve reagir para tentar se manter na Série A.


14° - Cruzeiro: Com 21 pontos (6 vitórias, 3 empates e 9 derrotas) a Raposa mostrou que ficou muito abalada com a perca da Libertadores. Muitos acreditam na sua reação, mas até agora o Cruzeiro não se reabilitou e está perto do rebaixamento.


15° - Botafogo: Com 20 pontos (4vitórias, 8 empates e 6 derrotas) o time carioca está mal das pernas e está perto da zona de rebaixamento, se bobear pode afundar. Mas com reforços, deve se reabilitar.


16° - Coritiba: Com 19 pontos (5 vitórias, 4 empates e 10 derrotas) o Coxa beira o abismo e corre sérios riscos de voltar para a Série B. A equipe de Ney Franco deve reagir e rápido, e melhorar o rendimento se quiser ficar por aqui.



17° - Santo André: Com 18 pontos (4 vitórias, 6 empates e 9 derrotas) o time tem grandes chances de voltar pra Série B, já que está tendo um péssimo rendimento, é sério candidato pra cair. Dificilmente se recuperará.


18° - Náutico: Com 18 ponto (4 vitórias, 6 empates e 9 derrotas) o Timbu poderá ser um dos times a cair, já que não faz boa campanha como nos anos passados. Deve ser um dos times pernambucanos que deve cair.


19° - Fluminense: Com 15 pontos (3 vitórias, 6 empates e 10 derrotas) o time de Renato Gaúcho, dificilmente irá se recuperará e irá pra segundona. Fazendo uma péssima campanha, vai ser difícil de o time carioca sair dessa.


20° - Sport: Com 13 pontos (3 vitórias, 4 empates e 12 derrotas) o Leão é o lanterna do Brasileirão e deverá ser outro pernambucano que voltará para Série B esse ano, já que a campanha é ruim, mesmo depois de disputar a Libertadores. Difícil não descer.

O que esperar destes times no 2° turno? Comente e dê o seu palpite.

E lanço também uma nova votação até o fim do Campeonato Brasileiro: Quem vai ser o campeão? Votem!

domingo, 16 de agosto de 2009

Grêmio 4x1 Flamengo - 19° rodada

No Olímpico, pelo último jogo do turno o Grêmio enfrentou o Flamengo com: Victor, Mário Fernandes, Léo, Rafael Marques, Jadílson (Bruno Collaço), Réver, Adílson, Túlio, Douglas Costa (Joílson), Jonas e Perea (Maylson).

O primeiro gol do Grêmio aconteceu os 15 minutos do primeiro tempo e junto dele o ressurgimento de “El Ciclón”, o colombiano Perea. Com gol entre as pernas do goleiro Bruno. O empate foi de Emerson aos 25 minutos. A defesa estava bem, porém ao marcar Adriano, que é destaque da equipe e inteligente, esqueceu de marcar Emerson que recebeu um belo passe e fez.

Ainda no primeiro tempo o Flamengo quase virou e Victor firme no gol fez grandes defesas, com destaque a uma, onde ficou cara a cara com Adriano. Mas o Grêmio assustava também, e Jonas perde um gol incrível.

Paulo Autuori fez algumas mudanças no segundo tempo como a entrada de Bruno Collaço no lugar de Jadilson e Maylson no lugar de Perea. Douglas Costa, que não apareceu muito no jogo foi trocado por Joilson.

Alguns destaques da partida foram Mário Fernandes na lateral e deslocando-se pro meio, o zagueiro Rafael Marques e Réver que se adaptou bem no meio-campo. Adaptou-se tão bem que aos 11 minutos do segundo tempo deixou fila e da entrada da área marcou 2 a 1 pro Grêmio.

O Grêmio melhorou no meio-campo, principalmente Mário Fernandes que fez grande jogada, arrancando e passando pro Perea, mas Bruno defende. Do outro lado, Léo também fez bom desarme e Victor continuava fazendo grandes defesas.

Aos 36 minutos, Airton faz pênalti em Perea. Na falta dos cobradores oficiais, Jonas bate e amplia o placar pro tricolor, 3 a 1. Aos 42, Joilson sofre novo pênalti e Jonas novamente cobra e fecha o placar em 4 a 1.

Assim num jogo de defesas difíceis, tanto por parte do Bruno quanto de Victor. Nosso melhor setor foi a defesa,com destaque pra Mário Fernandes e Réver, já que o nosso meio-campo estava sem Tcheco e Souza.

No ataque Perea se redescobriu com a camisa tricolor, marcando um gol e Jonas marca dois.Num time escalado com grandes mudanças, provamos quem manda no Olímpico e que Adriano não seria feliz por aqui.


O Grêmio estréia no segundo turno contra o Santos na Vila Belmiro, nesta quarta-feira, a goleada de hoje é um bom insentivo pra começar com pé direito o turno e ganhar a primeira fora de casa.
Em tarde de grandes defesas de Victor, Grêmio goleia o Flamengo.

Outros resultados da rodada: Atlético-PR 3x0 Barueri; Cruzeiro 0x0 Santos; Corinthians 2x0 Atlético-MG; Fluminense 1x3 Coritiba; Goiás 3x2 Vitória; Sport 1x2 São Paulo, Avaí 2x1 Náutico; Santo André 0x2 Inter e Palmeiras 1x1 Botafogo. Assim o Grêmio vai para 7° lugar com 28 pontos.

sábado, 15 de agosto de 2009

O jogo dos desfalques e mudanças

Amanhã, Grêmio e Flamengo fazem seu último jogo pelo primeiro turno do Brasileirão, ambos em busca da aproximação do G4 para a Libertadores. O Grêmio definitivamente não conseguiu ganhar fora de casa e busca uma vitória dentro do Olímpico para continuar com sua invencibilidade.

Porém esse jogo será marcado de desfalques e mudanças por parte do tricolor. Os meias Tcheco e Souza não poderão atuar, já que tomaram o terceiro cartão amarelo. Também não joga o atacante Herrera, com dores no joelho e Máxi Lopez com lesão na coxa, parando por um mês.

Máxi poderá não atuar mais pelo Grêmio, já que poderá ser vendido para a Europa nesta janela de agosto. Para uma possível substituição há um jogador da América do Sul, que ainda não foi identificado.

Paulo Autuori tenta improvisar um time no 4-4-2 e três volantes, contando com ajuda da torcida, o 12° jogador. Mário Fernandes ficará na lateral direita, já a lateral esquerda terá Jadílson. Léo e Rafael Marques ficarão na zaga, que tem por estratégia contra Adriano, o distanciar o máximo possível.

No meio-campo a grande surpresa é Réver como primeiro volante. Adilson seguirá como segundo volante e Túlio, também volante, ajudará Douglas Costa que será o único articulador. Na frente, Perea volta ao time e junto com Jonas formam a dupla de ataque.

Renato Cajá já poderia atuar mesmo a Ponte Preta tentando enrolar a negociação, pois a CBF já o inscreveu pelo Grêmio, porém não tem condicionamento físico. Quem também poderá chegar logo é o lateral Lúcio (Hertha Berlin) e o meia Leandro (Verdy Tókio).

Assim, em meio de importantes desfalques e grandes mudanças, o Grêmio joga contra o Flamengo o último jogo do turno, nesse mês que assombra todos os clubes brasileiros. Espero que o improviso de Autuori dê certo.


Réver é improvisado como volante.

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Grêmio: o melhor brasileiro do mundo, de novo.

Nesta semana saiu o novo ranking dos melhores times do mundo pela IFFHS, que conta com o aval da FIFA. A liderança continua empatada entre Barcelona e Manchester United, ambos com 315 pontos. O terceiro lugar fica com o melhor entre os americanos, Estudiantes, com 295 pontos.

O Grêmio continua sendo o melhor brasileiro do ranking e o segundo melhor americano, com 224 pontos e subindo do 10° para o atual 9° lugar. Quem segue na nossa cola é o Cruzeiro com 221 pontos.

Outro americano que figura na lista é o temido Boca Junior em 15°, longamente ultrapassado pelo tricolor. Outros brasileiros entre os 20 melhores no ranking são: Internacional em 16°, Palmeiras em 17° e São Paulo que divide o 20° lugar com a italiana Udinese.

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Seleção Brasileira vence Estônia por 1 a 0.

Ontem a Seleção Brasileira foi à Tallin para um amistoso contra a seleção da Estônia, como preparação para o amistoso contra a Argentina e a Copa do Mundo ano que vem. Tecnicamente um teste fácil para o time de Dunga, mas a raça da Estônia surpreendeu.

O Brasil foi a campo com: Júlio César, Maicon (Daniel Alves), Lucio (Miranda), Luisão, André Santos; Gilberto Silva, Felipe Melo, Kleberson (Elano), Kaká (Julio Baptista); Robinho (Diego Tardelli) e Luis Fabiano (Nilmar). Já a modesta seleção da Estônia foi a campo com:Sergei Pareiko, Enar Jääger, Alo Bärengrub, Ragnar Klavan, Raio Piiroja; Aleksandr Dmitrijev (Martin Vunk), Konstantin Vassiljev, Sando Puri (Purje), Joel Lindpere (Dmitri Kruglov); Tarmo Kink (Kristen Viikmäe) e Sergei Zenjov (Vladimir Voskoboinikov).

Para os donos da casa este era o jogo do século e se o Brasil tinha técnica para atropelá-los, eles vieram com raça, que por muitos foi considerada violência, como em muitas faltas duras que aconteceram. Este foi um bom teste de paciência para os jogadores brasileiros que em momentos da partida tentaram partir pra briga e tentaram dar o troco.

A Seleção Brasileira só assuntou aos 17 minutos, mas o único gol da partida aconteceu aos 42 minutos e Luis Fabiano fez 1 a 0. O primeiro tempo foi de duras faltas, na segunda etapa confusão e os brasileiros tentaram revidar como na entrada de Felipe Melo em Puri, que quase quebrou a perna do adversário e também na falta de Kruglov, que foi expulso, em Daniel Alves, que revidou com um soco e recebeu amarelo.

A Estônia com um a menos e o jogo passou a ser mais calmo, fazendo um jogo ruim de ver. Dunga decidiu então fazer testes como a entrada de Nilmar e a estréia do mais novo convocado Diego Tardelli. O Brasil não ampliou, mas passou pelo teste da paciência contra a Estônia,

Agora o Brasil se prepara para o próximo amistoso contra a Argentina no dia 5 de setembro. Este amistoso marca “o jogo do século” para a Estônia já que conseguiram perder por apenas 1 a 0. Pro Brasil ficou este teste com duras faltas, um placar magro e a estréia de Diego Tardelli.

Luis Fabiano garante vitória brasileira.

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Grêmio contrata Renato Cajá

Um meia esquerda, um segundo atacante e um lateral direito, essas são as promessas de contratação da diretoria do Grêmio. E uma delas foi cumprida ontem à tarde, quando aconteceu a apresentação do meio-campo Renato Cajá.

Renato Adriano Jacó Morais de 24 anos é conhecido por Renato Cajá por ter nascido em Cajazeiras, Paraíba. Com 70 Kg e 1,73 m, começou sua carreira profissional no Ferroviária de São Paulo em 2006 e logo depois teve uma passagem pelo gaúcho Juventude em 2007.

Porém ele se destacou mesmo na campanha da Ponte Preta na Série B e no Campeonato Paulista 2008, com 39 jogos e 14 gols.Atualmente ele estava no Al-Ittihad da Arábia Saudita, e ontem foi apresentado pelo Grêmio para atuar no meio-campo, fazendo sombra à Tcheco e Souza.

Segundo ele, esta é a realização de um sonho. Ele tem contrato até o fim do ano, sendo uma aposta para o meio-campo e considerado uma boa contratação pelo Grêmio. Agora é esperar e ver se ele pelo menos repete a campanha que fez na Ponte Preta. Se repetir, Tcheco deve ter muito cuidado para se manter na posição.

A diretoria do Grêmio está tentando trazer o lateral-direito Felipe Mattioni, que já jogou no Grêmio e que agora pode vir emprestado pelo Milan. Também negocia com o segundo atacante Leandro que está no Verdy Tókio, do Japão e que já jogou no São Paulo.

Renato Cajá vem para ser o meio-campo que faltava.

EDITADO:

O Grêmio pode desfazer o contrato com o meia Renato Cajá, pois a CBF não pode inscrever o jogador no Grêmio. O motivo seria pendências contratuais com a Ponte Preta, já que o Al-Ittihad que o comprou não pagou o valor total.

O tricolor desconhecia esta pendência, mesmo assim pode rescindir o contrato e Renato Cajá volte para a Ponte Preta.

Mauro Galvão também confirma que Grêmio está interessado no lateral Lúcio, ex-Hertha Berlim e que já atuou no Grêmio.

terça-feira, 11 de agosto de 2009

18° rodada do Brasileirão

Veja os melhores momentos de Barueri 1x0 Grêmio:

Outros resultados da rodada foram: Coritiba 1x3 Cruzeiro; São Paulo 3x1 Goiás; Flamengo 1x0 Corinthians; Vitória 2x2 Fluminense; Botafogo 0x1 Atlético-PR; Náutico 2x1 Santo André e Santos 2x2 Avaí e Inter 3x0 Sport.
Assim, a tabela do Brasileirão ficou desse jeito:
1° Palmeiras – 35 pontos

2° Goiás – 32 pontos
3° Atlético-MG– 31 pontos
4° Inter – 30 pontos
5° São Paulo – 30 pontos
6° Barueri – 28 pontos
7° Avaí – 27 pontos
8° Flamengo – 27 pontos
9° Grêmio – 25 pontos
10° Vitória – 25 pontos
11° Corinthians – 25 pontos
12° Santos – 24 pontos
13° Atético-PR – 21 pontos
14° Cruzeiro – 20 pontos
15°Botafogo – 19 pontos
16° Santo André – 18 pontos
17° Náutico – 18 pontos
18° Coritiba –16 pontos

19° Fluminense – 15 pontos
20° Sport – 13 pontos

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Um ano mais velha, 16 anos gremista.

Hoje completo 16 anos de vida, um ano mais velha. Mas mais que isso um ano mais gremista, embora eu já seja gremista mesmo antes de nascer, já quando óvulo e espermatozóide se encontraram.
Grandes lembranças ficarão no meu 15° ano de vida, novas amizades, aprendizados, vitórias gremistas e a criação desse Blog. Mais que isso aguardo com esperanças esse novo ano em minha vida, o 16° ano... Esperança que tudo melhore cada vez mais. Além de, claro, vitórias do meu Grêmio!16 anos gremistas, é assim que me vejo, e mais que isso aqui vai um recado para que quem, como eu, nasceu em 1993:

"Eu nasci em 1993, portanto tenho 16 anos. Em 1994, fui campeã invicta da Copa do Brasil já com 1 ano de vida. Vi o Grêmio ganhar a SEGUNDA Libertadores em 1995, embora fosse pequena demais para entender a grandeza da conquista, era gremista suficiente para me orgulhar. Também fui Bicampeão Brasileiro e da Recopa em 1996, com apenas 3 anos de idade.
Com 4 anos fui novamente campeã invicta da Copa do Brasil. Também fui campeã da Copa Sul em 1999, embora não queira dizer muito, o pior é não ganhá-la. Em 2001, já com 8 anos, mais um título da Copa do Brasil, era o tetracampeonato.
Após tudo isso, o que mais faltava a uma jovem gremista? Com 12 anos, fui posta a prova e percebi que não basta apenas vencer, mas há também de cair no fundo do poço e ressurgir das cinzas para provar o que é ser Imortal. Assim meu time fez o inacreditável e venceu com 7 homens em campo, dois pênaltis contra e na casa de seu adversário, onde outros tantos já teriam desistido por muito menos.
Desde lá, batemos na trave no Brasileirão e Libertadores, como prelúdio que uma grande taça está por vir ao nosso Memorial. Afinal, tenho 16 anos e já ganhei muito. Só quem acha que o mundo começou em 2006 não sabe disso. Infelizmente."

Agradeço a todos que lembraram do meu aniversário... Obrigado!

domingo, 9 de agosto de 2009

Barueri 1x0 grêmio – 18° rodada

O Grêmio foi a campo com: Victor, Willian Thiego, Rafael Marques, Léo e Jadílson (Joílson); Túlio (Bruno Collaço), Adílson, Tcheco, Souza e Douglas Costa; Maxi López (Jonas).
O primeiro tempo foi chato, sem jogadas ofensivas dos dois lados, o time de casa tentava se impor e o tricolor se defendia. O Grêmio não se encontrava em campo, Paulo Autuori optou pelo esquema 4-5-1, isolando o argentino Maxi Lopez. Assim, o primeiro tempo acabou sem delongas e emoções.
No segundo tempo as duas equipes estavam disposta a atacar. O tricolor começou bem, Souza fazia grandes jogadas e parecia que o Grêmio ia ganhar a primeira partida fora de casa. Mas isso durou até os 10 minutos, quando o pretendido pelo Inter, Thiago Humberto de o passe para Fernandinho que chutou no canto de Victor e marcou pro time de casa, o Barueri chegou a ampliar aos 14 minutos, mas estava impedido.
O placar continuava 1 a 0 e Paulo Autuori fez substituições que não tiveram muito efeito como a troca de Maxi por Jonas e a entrada do jovem Bruno Collaço. O Barueri continuava atacando, o Grêmio até teve boas chances mas aí o Barueri já estava fechado em seu campo.
Não vencer fora de casa. Essa foi a sina do Grêmio no 1° turno do Brasileirão 2009. Foi assim novamente contra o Barueri em São Paulo, onde o Grêmio perdeu por 1 a 0 com uma atuação pouco inspiradora.
Agora a meta é acabar o primeiro turno vencendo o Flamengo em casa no próximo domingo, para que estejamos mais próximos de vencer fora de casa no próximo turno e da Libertadores 2010.

O jovem Bruno Collaço entra no jogo, mas Grêmio perde novamente.

sábado, 8 de agosto de 2009

Amanhã é dia dos pais!

A data comemorativa teve origem há mais de 4 mil anos, na antiga Babilônia, onde um jovem chamado Elmesu moldou em argila o primeiro cartão desejando sorte e saúde ao seu pai.
Nos Estados Unidos Sonora Luise criou o Dia dos Pais em 1909 em homenagem ao seu pai. Em 1972, o presidente americano Richard Nixon oficializou a data.
Devido a história nos Estados Unidos e outros vários países ele é comemorado no terceiro domingo de junho. Mas há as mais variadas datas para a comemoração do Dia dos Pais pelo mundo.No Brasil a data é comemorada no segundo domingo de agosto, ou seja, amanhã dia 9 de agosto.
Aproveite essa data para agradecer seu pai por tudo que ele fez por você. Eu especialmente quero agradecer ao meu pai, Valmor Formagini, por tudo que ele já fez por mim.

Feliz dia dos Pais!

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

17° rodada do Brasileirão

Outros resultados do Brasileirão foram: Barueri 4x0 Vitória; Fluminense 5x1 Sport; Coritiba 0x1 Santos; Goiás 3x2 Flamengo; Náutico 1x0 Corinthians; Avaí 1x0 Santo André; São Paulo 3x1 Botafogo e Cruzeiro 0x2 Botafogo.
Veja como ficou a tabela do Brasileirão:


1° Palmeiras – 35 pontos
2° Goiás – 32 pontos
3° Atlético-MG– 31 pontos
4° Inter – 27 pontos
5° São Paulo – 27 pontos
6° Avaí – 26 pontos
7° Grêmio – 25 pontos
8° Corinthians – 25 pontos
9° Barueri – 25 pontos
10° Vitória – 24 pontos
11° Flamengo – 24 pontos
12° Santos – 23 pontos
13° Botafogo – 19 pontos
14° Atlético-PR – 18 pontos
15°Santo André – 18 pontos
16° Cruzeiro – 17 pontos
17° Coritiba – 16 pontos
18° Náutico –15 pontos
19° Fluminense – 14 pontos
20° Sport – 13 pontos

O Grêmio com o empate em 1 a 1 com o Palmeiras fora de casa fica na 7ª posição, com 25 pontos. Veja abaixo o vídeo com os melhores momentos de Palmeiras 1x1 Grêmio:


quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Palmeiras 1x1 grêmio – 17° rodada

Para tentar a primeira vitória fora de casa contra o líder da competição o Grêmio foi a campo com: Victor, Thiego (Rafael Marques), Léo, Réver e Fábio Santos (Jadílson), Túlio, Adílson, Tcheco e Souza, Douglas Costa e Maxi López.
No primeiro tempo parecia que a sina de derrotas fora de casa ia continuar, Cleiton Xavier deitava e rolava pela lateral direita e era o cérebro da equipe palmeirense. O Grêmio estava recuado e desaparecido em campo, principalmente Tcheco e Souza.
Já o menino Douglas Costa, que começou a partida, sofria tentando marcar dois jogadores palmeirenses. Paulo Autuori teve que fazer a substituição de Fábio Santos após uma contusão, entra Jadílson.
O Palmeiras dominou plenamente até os 28 minutos, quando o Grêmio não agüentou e levou um gol do cérebro do time, Cleiton Xavier.
Mas o Grêmio não ia continuar essa história de perder fora e desperdiçar gols. Após levar um gol, ao invés de morrer em campo, ressurgiu, reequilibrando o jogo. Precisou apenas de 3 minutos, e foi aos 31 minutos que Máxi Lopez recebeu cruzamento de Souza e empatou tudo.
Após isso o Grêmio dominou os últimos 15 minutos do primeiro tempo, mostrando que está se sentindo em casa.
Ao iniciar o segundo tempo quem tinha um leve domínio era o Grêmio, que agora estava com Rafael Marques no lugar de Thiego.
O Grêmio está bem no jogo e domina o segundo tempo. Já o Palmeiras não consegue atacar. A mudança do grande Muricy não melhora a equipe, ao contrário, faz com que o Diego Souza desapareça em campo. Parece até não ser o Muricy.
Do outro lado, Paulo Autuori também muda, já que Douglas Costa sente cãibras, assim quem irá fazer a dupla de ataque com o Máxi Lopez é Jonas, em busca da virada.
Aos 36 minutos, Réver sofre falta e cai com o rosto no chão, assim o Grêmio fica com 10 em campo. O zagueiro é levado de maca e fica desacordado. Há preocupação entre os gremistas.
O Grêmio continuou melhor, como todo o segundo tempo, mas com 10 em campo o Grêmio ficou no 1 a 1. Esse é o segundo empate fora de casa, é um grande placar, somando um ponto, já que é com o líder do campeonato e o retrospecto fora de casa não é tão bom.
Fábio Santos pode desfalcar o time, mas quem preocupa é Réver, que teve uma pancada na cabeça e saiu desmaiado de campo. Agora é aguardar.
O próximo jogo será domingo, também fora de casa, contra o Barueri, ainda buscando a primeira vitória como visitante.

Réver sai desacordado e deixa time com 10, mesmo assim Grêmio joga bem mas fica no empate contra o líder fora de casa.

EDITADO: Veja o lance que causou a saída de Réver do time:

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

História dos confrontos entre Grêmio e Palmeiras

Por sugestão de um amigo palmeirense e como amanhã acontecerá o grande duelo entre Grêmio e Palmeiras, hoje falarei sobre a história dos confrontos entre esses dois grandes clubes: Palmeiras e Grêmio.
O primeiro jogo aconteceu em 12 de novembro de 1936, na Baixada dos Moinhos de Vento, pelo Torneio de Porto Alegre. O placar foi de 1x1, Alemãozinho marcou para o Tricolor e Mathias II marcou para o Palestra Itália. O clube paulista ainda não se chamava Palmeiras.
Já pelo Brasileirão, o primeiro jogo ocorreu em 7 de novembro de 1971, no Olímpico, onde o Palmeiras fez 1x0 com gol do atacante Fedato.
No estádio Palestra Itália, o primeiro jogo ocorreu em 19 de junho de 1966, num amistoso que teve o placar de 2x2. Os gols gremistas foram de Paíca e Sérgio Lopes, já os gols palmeirenses foram de Ademir da Guia e Helinho.
No estádio Olímpico, o primeiro jogo aconteceu na Taça Brasil de 1960, com o placar de 3x0 para o Palmeiras, gols de Fernando (2) e Vavá.
Ao total foram 71 jogos, sendo 25 empates, 31 vitórias palmeirenses (104 gols) e 15 vitórias gremistas (72 gols).
A maior goleada do confronto aconteceu no Brasileirão de 1999, onde o Palmeiras fez 6 a 0. Já a maior goleada do Grêmio foi por 5 a 0, pela Libertadores de 1995.
Há uma grande rivalidade entre os dois clubes, um dos maiores confrontos foram pela Libertadores de 1995, onde o Grêmio fez 5x0 no Olímpico e levou 5x1 no Palestra Itália. Assim o Grêmio foi pra final e tornou-se Bicampeão da América.
O time que foi campeão era treinado por Felipão e tinha o craque Paulo Nunes, dois ídolos gremistas em 1995 e que se tornaram ídolos também no Palmeiras após conquistarem a América de novo em 1997 pelo Palmeiras.
O último confronto aconteceu no Parque Antártica no dia 8 de novembro de 2008 pelo Brasileirão e o Grêmio venceu pelo placar de 1x0.
O próximo confronto será amanhã, no dia 6 de agosto de 2009 pelo Brasileirão. O Palmeiras de Muricy está na liderança, já o Grêmio tenta o G4 para a Libertadores, tentando vencer a primeira partida fora de casa.

Emoções nos aguardam, para mais um grande jogo, fazendo jus à história desses dois grandes clubes.

terça-feira, 4 de agosto de 2009

Melhores momentos - Grêmio 4x1 Cruzeiro

Veja o vídeo dos melhores momentos da grande partida entre Grêmio e Cruzeiro pela 16° rodada do Brasileirão. O Grêmio deu show e fez 4 x1, acompanhe:

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

16° rodada

Outros resultados da rodada foram: Atlético-MG 3x2 Coritiba; Santo André 1x2 Goiás; Atlético-PR 1x0 Fluminense; Corinthians 0x0 Avaí; Flamengo 1x1 Náutico; Vitória 0x1 São Paulo, Botafogo 2x1 Barueri e Sport 0x1 Palmeiras. Assim, o Grêmio fica na 6° posição com 24 pontos. Confira a tabela:

1° Palmeiras – 34 pontos
2° Atlético-MG – 31 pontos
3° Goiás – 29 pontos
4° Inter – 27 pontos
5° Corinthians – 25 pontos
6° Grêmio – 24 pontos
7° Vitória – 24 pontos
8° São Paulo – 24 pontos
9° Flamengo – 24 pontos
10° Avaí – 23 pontos
11° Barueri – 22 pontos
12° Santos – 20 pontos
13° Botafogo – 19 pontos
14° Santo André– 18 pontos
15°Cruzeiro– 15 pontos
16° Coritiba – 16 pontos
17° Atlético-PR – 15 pontos
18° Sport –13 pontos
19° Náutico – 12 pontos
20° Fluminense – 11 pontos

domingo, 2 de agosto de 2009

Grêmio 4x1 Cruzeiro – 16° rodada

Invicto no Olímpico o Grêmio foi a campo com: Víctor, Thiego (Douglas Costa), Réver, Léo e Fábio Santos (Jadílson); Túlio (Joílson), Adílson, Tcheco e Souza; Jonas e Maxi López. Assim, tentando esquecer os fracassos fora de casa e tentando dar o troco no Cruzeiro, que nos eliminou na Libertadores.
No início do primeiro tempo o Grêmio já mostrou quem mandava, pressionando contra o time mineiro, que às vezes tentava responder. Aos 17 minutos Jonathan fez falta em Tcheco e como já tinha amarelo, foi expulso, deixando o Cruzeiro com 10.
Paulo Autuori tentou se aproveitar da situação e fez uma substituição, saiu Thiego e entrou Douglas Costa, que logo se mostrou em campo. Com superioridade o Grêmio estava melhor em campo mesmo não conseguindo concluir.
Como quem não faz, leva. O Grêmio mesmo estando melhor, viu Wellington Paulista abrir o marcador para os mineiros aos 40 minutos, após cobrança de pênalti cometido infantilmente por Tcheco.
Fomos para o intervalo, melhores em campo e com um jogador a mais, mas quem estava à frente no placar era o time visitante. Assim Autuori tem uma conversa com os jogadores, para que possamos virar.
Começamos o segundo tempo pressionando novamente e a sorte estava a nosso favor. Aos 6 minutos o Cruzeiro ficou com 9 em campo, após expulsão de Thiago Ribeiro.
Sufocando o time mineiro, aos 13 minutos Réver cabeceia alto para empatar tudo. Logo aos 19, veio a virada após o chute de Tcheco no canto de Fábio.
Como que se isso não bastasse, aos 30 Jonas ampliou de cabeça e o Grêmio administrava a partida superiormente. Pra completar a goleada, Máxi Lopez, aos 43 minutos faz 4 a 1.
Assim o Grêmio faz mais três pontos e continua invicto no Olímpico, já o Cruzeiro volta pra casa com o troco da Libertadores.O tricolor mostrou que é forte e deve mostrar que é bom também fora de casa, a oportunidade será nessa quinta-feira contra o Palmeiras de Muricy, atual líder do Brasileirão.

Grêmio, de virada, deixa Cruzeiro de 4 no Olímpico.

sábado, 1 de agosto de 2009

Precisamos vencer fora do Olímpico.

Já estamos chegando à metade do Campeonato Brasileiro e o Grêmio ainda não conseguiu vencer fora, são seis derrotas e um empate. Se por um lado o time gremista é imbatível dentro do Olímpico, não tendo perdido ainda, tem o pior desempenho fora de casa, não conseguindo vencer e tendo um aproveitamento de 4,7%.
A última derrota foi contra o São Paulo no Morumbi, na última quinta-feira. Outras derrotas foram para o Avaí (1x0), Coritiba (2x1), Sport (3x1), Vitória (1x0) e Atlético-MG (2x1), além de um empate contra o Fluminense (0x0).
Já dentro de casa o Grêmio é imbatível, não tendo perdido ainda, destacando vitórias contra favoritos como Corinthians (3x0) e Inter (2x1) e contra o Santo André (3x2), Atlético-PR (4x1), Náutico (3x0) e Botafogo (2x0), além de dois empates contra o Goiás (2x2) e na estréia contra o Santos (1x1).
Claro que não se pode vencer todas as partidas como visitante, muitas vezes por méritos do dono da casa, como aconteceu com o São Paulo na última partida. O que não pode acontecer é jogar bem dentro e jogar tão mal fora de casa, mas sim ter uma média de desempenho.
Se atendo apenas ao jogo no Morumbi, o Grêmio mostrou também nos números que não se impõe como time, a prova é o número de faltas cometidas, foram três e todas no segundo tempo. Isso mostra que o Grêmio é frágil e não tem personalidade dentro de campo. Sendo que até o próprio Paulo Autuori admitiu que não merecessemos ganhar.
Em todos os jogos fora de casa, o Grêmio perde sua personalidade e sua postura. Os jogadores perdem a atitude e cometem erros bobos, fazendo que a derrota esteja sempre por perto.Erros que nem os jogadores não conseguem explicar e Herrera explica que o futebol jogado fora de casa é “futebol de maricas”.

Não precisamos mudar jogadores, precisamos que os jogadores mudem e joguem fora como jogam no Olímpico. Mas antes, temos pela frente o Cruzeiro, no Olímpico, para tentarmos nos vingar da eliminação da Libertadores e ter embalo pra finalmente vencer fora

Não precisamos mudar jogadores, precisamos que os jogadores mudem.