quinta-feira, 20 de maio de 2010

Eu continuarei te amando, Grêmio!

Mesmo que a bola não entre.

Mesmo que o manto sagrado desbote.

Mesmo que o Olímpico se cale.

Mesmo que a vitória esteja longe.

Mesmo que o sonho se acabe.

Mesmo que seja longa a jornada.

Mesmo que seja dura a caminhada.

Mesmo que esteja longe a conquista.

Porque o Grêmio não se define, o Grêmio se sente.

No coração e na alma, no grito e nas palmas.

Eu estarei contigo, por toda minha vida, onde você estiver.

E hei de te amar eternamente.


Sobre o jogo, agradeço quem cedeu um pouco de seu tempo e veio aqui deixar sua opinião. Não irei reclamar do juiz, do técnico e muito menos do time. Não tenho porque começar a falar mal dos onze homens que representaram o Grêmio na noite de ontem, muito menos, mudar minha opinião quanto o futebol das equipes em questão.

Farei melhor, vestirei minha camisa tricolor e mostrarei que nossa torcida não abandonou o Imortal Tricolor. O Brasileirão nos espera. Amanhã tem mais.

6 comentários:

Diego Carvalho disse...

Grêmio até morrer !!!!!

Bruno disse...

E agora tens medo?? AHH NAO PRECISA!! AFINAL NOS PASSAMOS E VOCES NAO!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Ale disse...

Eu nunca tive medo de bailarino.

carlos disse...

OLA ALE, TD BM GATA! SOH TENHO UMA COISA A DIZER:
NA VILA BELMIRO, IMORTAL AGENTE ENTERRA VIVO!! BJS E PARABENS PELO BLOG !

G. disse...

Ale, como corinthiano torci muito pelo Grêmio contra o Santos... Não deu. Mas, seu time foi lutador, guerreiro, não desistiu um minuto sequer. Acho que infelizmente, o que fez a diferença foi o terceiro gol que vocês sofreram no Olímpico. Tivesse terminado 4 a 2 e acredito que a história seria diferente... Mas, futebol é assim mesmo... Simpatizo com o teu time pois tem o mascote do mosqueteiro assim como o meu (embora tenha gente que pense que o mascote do Timão seja o Gavião... Na verdade, o gavião é da torcida...) Não fiques brava, mas também simpatizo pelo teu rival, o Inter e gostaria que ganhasse a Libertadores, já que meu time saiu... Afinal, não gostaria de ver o São Paulo campeão pela quarta vez! Um abraço e parabéns pelo blog!

Emilly Santos disse...

Grêmio de peito e alma!